Se você está pensando em comprar um carro e o novo Ford Ka é uma de suas opções, saiba que o modelo passou pela sua primeira alteração de preços.

Lançado há pouco tempo no mercado brasileiro, o modelo teve uma excelente aceitação do público, tanto na configuração hatch quanto na sedan. Por isso, a Ford já promove o primeiro reajuste de preços de ambos os modelos, com aumento de até R$ 1.000, dependendo da versão escolhida.

Com grande aceitação do público nacional, o novo Ford Ka chegou com força para competir no segmento, fechando o mês de novembro/2014 com 10.748 unidades comercializadas, garantindo a quarta colocação na comparação das vendas de todos os carros do mercado brasileiro, desbancando Hyundai HB20 (5º), Fiat Uno (6º) e ficando relativamente próximo do Volkswagen Gol, 4º colocado com 12.024 veículos emplacados em novembro.

Se anteriormente o Ford Ka hatchback e o Ka+ (sedan) eram oferecidos na configuração de entrada SE 1.0 com preços a partir de R$ 35.390 e R$ 37.890, respectivamente, agora os modelos de entrada são vendidos por R$ 35.990 (aumento de R$ 600) e R$ R$ 38.890, alta de R$ 1.000, a mesma elevação de preço praticada para a versão SEL 1.0 do Ka+, que deixou de custar R$ 42.490 para ser comercializado por R$ 43.490.

Disponível nas configurações SE, SE Plus e SEL, tanto a configuração hatch como a sedan podem vir ou com o motor três cilindros 1.0 12V TiVCT que entrega até 85 cv e torque de 10,7 kgfm quando abastecido com etanol, ou com o bloco Sigma quatro cilindros 1.5 16V que gera até 110 cv e torque de 14,8 kgfm. Ambos possuem a tecnologia Easy-Start, que dispensa o uso de tanquinho para partidas a frio, além de dispor da classificação A de eficiência energética do Inmetro.

Equipado com uma boa lista de equipamentos, desde a versão de entrada o Ford Ka vem com, entre outros, freios ABS com EBD, airbag duplo, direção elétrica, volante com ajuste de altura, ar-condicionado, vidros e travas com acionamento elétrico, chave do tipo canivete e com abertura elétrica do porta-malas, My Ford Dock e sistema de som com conexão via Bluetooth e entrada USB.

Abaixo, versões, preços novos e valores antigos do Ford Ka:

  • Hatch:

– SE 1.0 – R$ 35.990 (R$ 35.390);

– SE Plus 1.0 – R$ 37.990 (R$ 37.390);

– SEL 1.0 – R$ 40.590 (R$ 39.990);

– SE 1.5 – R$ 40.390;

– SE Plus 1.5 – R$ 42.390;

– SEL 1.5 – R$ 44.990 (R$ 44.490).

  • Sedan (Ka+):

– SE 1.0 – R$ 38.890 (R$ 37.890);

– SE Plus 1.0 – R$ 40.890 (R$ 39.890);

– SEL 1.0 – R$ 43.490 (R$ 42.490);

– SE 1.5 – R$ 43.290 (R$ 42.890);

– SE Plus 1.5 – R$ 45.290 (R$ 44.890);

– SEL 1.5 – R$ 47.890 (R$ 47.490).

Por Caio Polo

Ford Ka

Ford Ka+

Fotos: Divulgação


Mesmo com o mercado brasileiro automotivo em baixa, a Ford começou a vender o New Fiesta com um novo reajuste de preço. Os preços do modelo sofreram um reajuste entre R$ 100 e R$ 500, com a versão de entrada S 1.5 partindo dos R$ 42.990.

A configuração S 1.5, mais básica do Ford New Fiesta, e a SE 1.5 que anteriormente eram oferecidos por R$ 42.890 e R$ 46.890, sofreram um reajuste de R$ 100 cada, passando a ser vendidos por R$ 42.990 e R$ 46.990, respectivamente.

A versão SE 1.6 encareceu R$ 500, custando R$ 49.490, enquanto que a configuração SE 1.6 com câmbio PowerShift subiu R$ 400 e sai por R$ 53.890. Por fim, a versão topo de linha Titanium agora é vendida por R$ 55.590 na configuração com câmbio manual (aumento de R$ 500) e a com transmissão PowerShift agora é tabelada em R$ 59.990 (elevação de R$ 400).

Apesar do reajuste que o modelo sofreu, o New Fiesta não teve nenhuma alteração na lista de equipamentos de série.

A versão de entrada (S 1.5) tem como destaque os freios ABS com EBD, airbag frontal, ar condicionado, direção elétrica, espelhos retrovisores externos e vidros dianteiros com acionamento elétrico, trava elétrica das portas com controle remoto, alarme volumétrico, My Connection que abrange o sistema de som com entrada USB e conexão Bluetooth, computador de bordo e rodas de 15 polegadas com calotas.

A lista da versão topo de linha (Titanium) traz de destaque sete airbags (frontais, do tipo cortina e joelho para o motorista), sensor de estacionamento traseiro, sensor de chuva, sensor crepuscular, espelho retrovisor interno eletrocrômico, volante revestido em couro, bancos revestidos parcialmente em couro e rodas de liga leve de 16 polegadas.

Mecanicamente também não há nenhuma alteração e o New Fiesta pode ser equipado com motor 1.5 Sigma Flex que rende até 111 cv e torque de 14,9 kgfm com etanol, ou com o bloco 1.6 Sigma TiVCT Flex, capaz de entregar 130 cv e torque de 16 kgfm quando abastecido com etanol. O propulsor 1.5 sempre está associado a um câmbio manual de cinco marchas, enquanto que o motor 1.6 pode trazer o câmbio manual ou a transmissão sequencial PowerShift de dupla embreagem e seis velocidades.

Por Caio Polo

Ford New Fiesta

Foto: Divulgação





CONTINUE NAVEGANDO: