Nova geração virá em 3 modelos de acabamento, sendo eles: R-Sport, Prestige e S.

A Land Rover, empresa que fabrica automóveis de luxo, anunciou no começo deste mês sua nova geração do Jaguar XF no Brasil. O carro, que segue o padrão sedan, ainda não tem data confirmada de quando estará disponível nas concessionárias, no entanto, a empresa já informou que não passará de março.

A nova geração do Jaguar XF chegará em 3 modelos de acabamento, são eles: R-Sport, Prestige e S. As 2 primeiras citadas terão motor 2.0, já a última virá com um motor 3.0 muito potente.

As 3 versões chegam às lojas com sistema de transmissão ZF de 8 velocidades que proporciona aos condutores amplo desempenho e comportamento esportivo e conforto.

Além da repaginada que dá direito a um visual mais moderno e despojado, o novo automóvel conterá uma carroceria quase 30% mais rígida que a anterior sem perder leveza. Já na questão de suspensão o sistema Integral Link é usado na traseira, enquanto que na dianteira os usuários desfrutarão do Double Wishbone.

Outro diferencial em relação ao antecessor é o  InControl Apps, a nova tecnologia permite total conectividade com smartphones, permitindo suas utilizações por  meio de uma tela de 8 polegadas localizada no painel central do veículo.

Existe ainda direção elétrica, sistema que evita que o veículo patine em superfícies com baixa aderência, frenagem autônoma emergencial, monitoramento de condições físicas do condutor, display com tecnologia laser, controle de assistência em fila, entre muitos outros.

A versão Prestige, considerada a mais simples das três, chegará às concessionárias custando R$ 264.700. Já o R-Sport sairá por R$ 288.600 e, por fim, o modelo S estará disponível no valor de R$ 381.100. Este último é capaz de proporcionar a velocidade de 100km/h em pouco mais de 5 segundos, os acabamentos internos contam com fibra de carbono, soleiras em metal, faróis full LED, assistente de estacionamento 360 graus, sistema de som Meridian que dispões de 11 alto-falantes (380W), saias laterais exclusivas e dezenas de outras vantagens e detalhes. 

Por Beatriz

Jaguar XF 2016

Jaguar XF 2016

Fotos: Divulgação


Novo modelo poderá se chamar Mobi e pode ser um hatch de pequeno porte e com medidas menores ainda do que as do famoso Uno.

Não há como negar que os carros populares da Fiat sempre fizeram muito sucesso no mercado nacional. A fim de continuar com essa filosofia e inovar este setor a montadora já está testando pelas ruas o seu mais novo projeto de carro popular, a expectativa é que este novo veículo chegue às concessionárias da marca ainda no primeiro semestre de 2016. Este projeto foi batizado pelo código X1H, contudo já há vários setores da imprensa nacional dizendo que o nome oficial deste veículo será Mobi, o principal fato que evidencia a veracidade deste nome é o registro que já foi feito pela montadora no Instituto Nacional de Patentes Industriais (INPI).

Segundo as notícias de bastidores a escolha deste nome para este carro foi feita tendo como referência a palavra mobilidade, logo este nome seria uma identidade que a fabricante busca para o veículo.

Muitas pessoas já relataram ter visualizado este carro em testes na região metropolitana de Belo Horizonte, mais especificamente na cidade de Betim (MG), pelo que pôde ser observado este veículo é um hatch de pequeno porte e com medidas menores ainda do que o famoso Uno.

O principal objetivo da Fiat com o lançamento deste novo modelo é fazer o resgate do conceito que anteriormente fez muito sucesso com o Uno Mille nas décadas de 80 e 90, ou seja, um carro com valor acessível, popular e com custo reduzido de manutenção.

Muitos especialistas do ramo já estão arriscando na afirmação de que para que a Fiat reduza nos custo deste carro, provavelmente ela irá utilizar vários elementos do atual Uno, inclusive o design quadrado da carroceria.

Ao que tudo indica, o Mobi, possivelmente, virá equipado com o mesmo propulsor 1.0 Fire e o câmbio de cinco velocidades da gama atual. A previsão inicial é de que o Mobi seja comercializado com preço a partir de R$ 30 mil.

Por Adriano Oliveira

Fiat Mobi

Fiat Mobi

Fotos: Divulgação


Modelo traz novo design e mudanças significativas ao mercado brasileiro.

Para ter o prazer de dirigir a nova RAM 2500 precisa ser portador da CNH para dirigir caminhões, o modelo é tão potente que reboca com facilidade até 71 toneladas. A cabine tem design avançado e moderno.

Quando entramos na RAM 2500, a impressão é a de estar numa Picape de luxo, muito embora a legislação diga que de fato é um caminhão. Tudo por conta da versão ‘Laramie’, que esteve ausente do nosso mercado brasileiro por cerca de dois anos e agora retorna com força total.

A RAM 2500 compete em pé de igualdade com as médias mais bem equipadas que existem no mercado. Com seus 6 metros de comprimento, 1,97 m de altura e entre-eixo do tamanho do Fiat Uno, dá para desfrutar de um espaço maior, com mais potência e tecnologia.

Mas se alguém quiser levar essa “gigante de luxo” para casa, terá que sacar do banco nada menos que CR$ 249.900 – um numerário bastante expressivo, mas vai valer a pena afinal são só 117 litros de gasolina para completar o tanque.

A intenção da picape/Caminhão, que faz parte do grupo Fiat Chrysler (FCA) é tentar ganhar o titulo de “limusine do campo” e ficar aguardando os fazendeiros colocarem suas botinas engraxadas em seu carpete, de 1 mil unidades até o final de 2016.

Quando chegou ao Brasil em 2005 a RAM ainda pertencia à linha Dodge, mas em 2009 se desligaram sob a estratégia de um plano, encerrando a exportação 3 anos depois. Passados 4 anos ela volta remodelada com design avançado e muito mais conforto.

Força Bruta:

O motor Cummins de 6,7 litros e 24 válvulas é a maior diferença apresentada pela nova picape/caminhão, grande aliado ao câmbio automático de 6 marchas e tração 4×4 com opção reduzida.

Conforto de SUV:

Todos vão se render quando conhecerem a cabine. O acabamento é muito parecido ao SUVs de luxo, os revestimentos dos bancos são em couro macio, chão acarpetado e ar-condicionado.

O vidro da parte de trás pode ser acionado eletronicamente, bem como bancos da frente e retrovisores, mas para que tivesse mais conforto o banco que antes levava 3 pessoas agora só comporta 2, separadas por uma divisão bem elegante.

A direção da RAM é suave e sai com facilidade sem trancos. O controle eletrônico dá total tranquilidade ao motorista.

Por Ruth Galvão

RAM 2500

Foto: Divulgação

 

 


Modelo terá versões que partem dos preços de R$ 209.900 a R$ 256.900 no Brasil. Vendas serão iniciadas ainda neste mês.

O Range Rover Evoque chega às concessionárias brasileiras da Land Rover ainda neste mês de outubro, com novas versões e também um visual remodelado. Os valores variam de R$ 209.900 a R$ 256.900.

Uma das novidades são as versões SE, SE Dynamic, HSE e HSE Dynamic. Em relação a mudanças externas podemos falar das novas lanternas, faróis e aerofólio traseiro e para-choque dianteiro com novos desenhos. O cliente também poderá escolher entre oito opções de cores do veículo e outras duas de teto.  

O Range Rover Evoque não tem alterações na parte mecânica, mas traz motor Si4 2.0 Turbo com 240 cavalos e transmissão ZA-9HP automática, com nove marchas.

Já internamente, os bancos de couro estão reformulados e com diferentes acabamentos como, por exemplo, costura em cor contrastante.

O sistema de entretenimento, que leva o nome de “In Control” também está com sua interface renovada e comandos intuitivos. Em relação à questão do som, ele pode chegar a 825W e até 17 alto-falantes.

O consumidor pode escolher entre os aros 18, 19 ou 20, em cada versão diferente, mas sempre de liga leve, nas cores preto, cinza ou prata.

A partir de 2016 este modelo será produzido na fábrica da marca em Itatiaia, no Rio de Janeiro. Desde que foi lançada, a Range Rover Evoque já vendeu mais de 20 mil SUV’s no País.

A fábrica brasileira da Jaguar Land Rover está na fase final de construção e receberá um investimento de R$ 750 milhões até 2020 com o objetivo de chegar a fabricar 24 mil unidades por ano.

Atualmente, a marca conta com 40 concessionárias no Brasil e deve unir as operações de Land Rover e Jaguar até março de 2016, fazendo com que as lojas atendam as duas marcas.

Por Kika Akita

Range Rover Evoque 2016

Range Rover Evoque 2016

Fotos: Divulgação


Novo modelo será fabricado na unidade de São José dos Pinhais, no Paraná, e será o primeiro esportivo da montadora a ser fabricado fora da Europa.

Visando ainda mais sucesso no mercado brasileiro, a Renault traz um lançamento bastante aguardado para 2015: trata-se do Renault Sandero RS que deve começar a ser vendido no mercado brasileiro a partir de setembro. O mesmo parte de R$ 58.880 e vem fortemente equipado com motor 2.0 de 150 cv além de câmbio manual de seis marchas. Portanto, com essa motorização é possível acelerar de 0 a 100 km/h em 8 segundos, de acordo com a montadora francesa.

Além disso, saiba que o modelo será fabricado em São José dos Pinhais, Estado do Paraná. Sendo assim, esse é o primeiro esportivo da montadora francesa que não é fabricado diretamente na Europa.

As novidades no Renault Sandero RS não se resumem à parte mecânica, haja vista as mudanças no design que acabaram reforçando o aspecto esportivo do automóvel. Um dos destaques na parte externa é o para-choque acompanhado de luzes diurnas de LED. Um detalhe bem interessante é quanto à saída de escapamento dupla acompanhada de detalhes cromados. A parte interior do automóvel também conta com novidades. Dentre elas, podemos destacar: pedaleiras cromadas, os bancos possuem desenho exclusivo, volante com base achatada e nova central multimídia.

Uma das principais novidades deste modelo será justamente o seletor de modo de condução. Esse sistema permite com que o motorista possa alternar entre os seguintes comandos: Normal, Sport e Race. De acordo com cada opção serão feitas mudanças no modo de direção, acelerador, bem como salvaguardas eletrônicas.

Outro grande destaque desse automóvel é a segurança que o mesmo proporciona. O Sandero RS dispõe de freios a disco nas quatro rodas, o escapamento é tipo duplo e ainda há um novo ajuste de suspensão. A barra é estabilizadora e o eixo traseiro é mais rígido que a versão tradicional desta linha.

O automóvel já dispõe de um grande número de itens de série. Dessa forma, a lista de opcionais se resume a rodas de 17 polegadas que acrescentam R$ 1.000 a mais.

Por Bruno Henrique

Renault Sandero RS

Renault Sandero RS

Fotos: Divulgação


Novo modelo alia esportividade com um toque clássico. Ele terá seu preço médio em torno de R$ 140.000 no Brasil.

Os anéis da tecnologia alemã nunca despontaram com tanta força quando se trata do novo Audi A4 S Line sedan, um carro que tem a proposta de combinar seu lado esportivo com um toque clássico como nenhum outro automóvel até então fabricado.

O público que está em eminência de comprar seu primeiro carro novo ou fazer uma troca vai ter que aguardar o Salão do Automóvel de Frankfurt, na Alemanha, para conhecer mais de perto toda a beleza, potência e charme do novo Audi A4 S Line sedan.

Com pesquisas feitas sobre essa novidade que, em breve, chegará ao Brasil, sabe-se que o carro vem com um propulsor 2.0 TFSI, capaz de produzir duas opções de desempenho distintas. Com essa tecnologia, nunca esteve tão nas mãos do motorista do Audi A4 S Line a capacidade de decidir qual tipo de desempenho deseja aplicar na máquina, seja andando pelas ruas ou pelas estradas.

O motor do novo Audi A4 S Line sedan também promete muita tecnologia e velocidade, através do seu motor 2.0 S Tronic, com 190 cavalos de potência, com transmissão de sete marchas, com tração integral. Tudo isso movido a duas embreagens. Imagina se um carro como esse não é capaz de levar o motorista a uma velocidade de até 252 Km/h.

Em se tratando de beleza, novo Audi A4 S Line sedan não vai deixar por menos em seu estilo sedan único, envolto de toda a beleza que pode ser dada por luzes dianteira de LED, tela de 12 polegadas com todas as ferramentas necessárias no painel para instruir o motorista, sistema de som Bang & Olufsen, volante com designer totalmente esportivo nas cores grafite – para combinar com o tom dos bancos de couro do carro.

O seu tamanho total é de 4,7m de comprimento e a Audi, com todos os recursos que usou, deixou essa máquina 120 Kg mais leve – o que vai gerar mais estabilidade para se dirigir esse carro, que já tem no mercado o nome e o respeito de Audi A4 S Line sedan. O preço médio dele estará em torno de R$  140.000, um dos valores mais altos a se pagar por um carro importado aqui no Brasil.

Por Michelle de Oliveira

Novo Audi A4 S Line sedan

Novo Audi A4 S Line sedan

Novo Audi A4 S Line sedan

Fotos: Divulgação





CONTINUE NAVEGANDO: