Modelo chega às lojas custando entre R$ 99 mil e R$ 179 mil.

Recentemente a Ford divulgou os preços referentes a versão diesel da seu novíssima Ranger 2017, agora foi a vez da empresa divulgar os demais preços da versão 2017 de sua picape, com preços que podem variar em R$ 80.400.

Custando R$ 99.500 em seu lançamento está a Ranger XLS 2.5 Flex e manual 4×2 de cabine dupla. Por R$ 109.900 temos a Ranger XLT 2.5 flex manual 4×2 com cabine dupla. No meio da tabela ainda temos dois modelos com preços mais elevados, por R$ 129.900 e R$ 142.900 respectivamente, trata-se do modelo Ranger XLS 2.2 turbodiesel manual 4×4 com cabine dupla e o Ranger XLS 2.2 turbodiesel A/T 4×4 com cabine dupla.

Fechando a lista como os mais caros da linha Ranger 2017, temos o XLT 3.2 turbodiesel A/T 4×4 por R$ 166.900 e o Limited 3.2 turbodiesel A/T 4×4 com cabine dupla, saindo pelo exorbitante preço de R$ 179.900. Porém, a Ford promete compensar aqueles que comprarem a picape mesmo com o alto valor, visto que a empresa mencionou que a versão 2017 da Ranger é a melhor já feita, pelas melhorias na estrutura e na segurança do automóvel.

Todos os modelos contam com satisfatórios 5 anos de garantia, bem como sete airbags, freios com ABS, ganchos isofix, encostos de cabeça, cinto de segurança e ainda um sistema eletrônico para garantir a tração e a estabilidade da picape.

Aqueles que desejam contar com a versão mais cara e completa da picape, a Limited, contaram com funções exclusivas na série, como alerta de colisão frontal, piloto automático podendo acelerar e frear por meio da distância entre sua picape e o veículo a frente, bem como um sistema para avisar o motorista quando o carro muda de faixa de forma involuntária, vibrando o volante. A versão Limited ainda conta com monitoramento da pressão nos pneus da picape, garantindo segurança máxima para o motorista.

Na motorização da picape não tivemos mudanças, continuando com o bloco 2.5 litros flex, sendo capaz de desenvolver 168/173 cv para gasolina/etanol, o que não deve receber tanta atenção dos consumidores. Quanto aos propulsores turbodiesel, a caixa manual e automática está disponível, em seis velocidade e com a tração 4×4.

Ainda contaremos com mudanças visuais na série, principalmente na grade frontal, que agora conta com um formato de escudo, bem como os faróis, menores. Na versão mais cara, as rodas possuem um novo desenho e a Ford irá oferecer a cor metálica vermelho Toscana nas picapes.

O painel do automóvel também sofreu alterações, visto que as entradas de ar estão diferentes, bem como as 8 polegadas da central multimídia SYNC, novidades nos comandos do ar condicionado da picape e no desenho do volante, que sofreu alterações em comparação às versões anteriores.

Laisa Silva


Modelo contará com as versões Robust, Trendline, Highline e Cross.

Não há como negar que a Saveiro é uma picape que há bastante tempo vem fazendo muito sucesso no mercado brasileiro, sucesso este que é corroborado com o fato de o modelo, atualmente, possuir o título de vice-líder da categoria das picapes compactas no país. É neste contexto que a Volkswagen fez a apresentação oficial, no dia 16 de março, na cidade de Campinas (SP), da nova linha 2017 da conceituada picape Saveiro.

Nesta apresentação, a Volkswagen fez a apresentação de quatro versões dessa nova Saveiro, sendo que nestas serão utilizadas três tipos de cabines e dois modelos de propulsores.

A nova linha da Saveiro 2017 será disponibilizada com quatro versões sendo elas as seguintes: a Robust, a Trendline, a Highline e a Cross. As principais mudanças que foram feitas nesta nova linha ficarão por conta da inserção de um capô um pouco mais alto, faróis com formato diferenciado e com a presença de um recorte um pouco mais trabalhado nas proximidades da grade dianteira. Para aqueles que forem menos detalhista, estas poucas mudanças feitas podem passar despercebidas, contudo as modificações foram bem pontuais.

Nas versões mais caras a picape acabou ganhando lindos frisos cromados. Os detalhes que são comuns a todas as versões são: o logotipo da Volkswagen, devido ao seu posicionamento, dá a impressão de ter passado por uma projeção para frente, a entrada de ar localizada na parte de baixo foi aumentada, já os faróis de neblina foram projetados com formato de trapézio.

Assim como o que foi feito na principal corrente da Saveiro, a Fiat Strada, a abertura da tampa da caçamba passou a ser realizada através do logotipo da Volkswagen. Na parte interior, a Saveiro foi comtemplada com uma renovação integral em sua cabine, sendo que nesta linha todos os comandos foram distribuídos em posições mais horizontais.

Com relação aos itens de segurança, vale ressaltar que a Saveiro, apesar de ser uma picape compacta, é a única da categoria a ser disponibilizada com a presença do sistema de controle de estabilidade, contudo somente na versão topo de linha que é a Cross.

Para aqueles que gostaram deste lançamento, vale a pena conferi-lo de perto, os preços da linha Saveiro 2017 partem de R$ 43.530 e podem chegar até R$ 69.250, de acordo com a versão escolhida.

Por Adriano Oliveira

Volks Saveiro 2017

Volks Saveiro 2017

Fotos: Divulgação


O modelo tem como proposta inicial atrair o público que deseja maior desempenho e se tonar concorrente direta da Dodge Ram.

A montadora Fiat lidera o ranking de picapes com o modelo Strada, lançado em 1998. No entanto, muitos associam a marca a carros de menor porte e com bom custo benefício, como, por exemplo, os modelos Uno e Palio. Para mudar essa situação, a montadora anunciou seu novo modelo de picape, a Fiat Toro.

O modelo tem como proposta inicial atrair o público que deseja maior desempenho e se tonar concorrente direta da Dodge Ram, uma das mais poderosas picapes do mundo.

Segundo o diretor de produto Carlos Eugênio Dutra, o objetivo da Fiat é atrair os amantes de picapes em geral e donos de automóveis convencionais como sedãs, hatches e SUVs de médio porte. Em resumo, a montadora quer induzir o cliente a realizar a troca de outros segmentos pelo modelo Toro.

Para realizar isso, a empresa garante elementos dos segmentos SUV e de sedans em seu novo modelo de picape. Vale lembrar, que a nova picape intermediária possui diversas semelhanças com o Jeep Renagade, sendo a principal a base com estrutura monobloco de alta resistência, que garante maior segurança e conforto durante o percurso.

Ao contrário do modelo Strada, a picape será comercializada como um veículo de passeio, que lida bem com terrenos asfaltados e pode ser utilizada durante o fim de semana para visitar lugares com estradas de terra, como sítios e chácaras, por exemplo.

Sua traseira apresentou grandes inovações, como a abertura lateral de duas portas na caçamba. Vale ressaltar, que essa tecnologia era inédita no Brasil até então. Além disso, o modelo pode transportar até uma tonelada de carga, tendo capacidade de 820 litros.

O design externo não decepciona, já que possui inspiração no Jeep Cherokee. Robusto e com detalhes ousados o veículo atrai olhares por onde passa.

Controle de tração integral, suspensão independente na traseira do veículo e direção são itens de série no modelo. Esse é mais um ponto positivo para o modelo, já que algumas correntes não oferecem esses elementos em todas as versões.

Para garantir todo conforto e comodidade que o cliente merece, é possível ativar e refrigerar o veículo a distancia por meio do ar-condicionado, o que é útil para evitar o calor mesmo após a picape ter passado horas sob o sol.

A picape conta com versões distintas, sendo: a versão essencial Freedom 1.8 – Flex, com preço de R$ 76,5 mil; a série de especial de lançamento Toro Opening Edition 1.8, que sai por R$ 84,4 mil e Freedom 2.0 a Diesel, com opção de tração nas em duas rodas ou integral, que custará R$ 93,9 mil e R$ 101,9 mil, respectivamente.

Já a versão topo de linha Volcano 2.0 traz em seu interior propulsor 2.0 turbodiesel, que exerce potência máxima de 170 cv e câmbio automático de 9 velocidades. Em relação ao consumo de combustível nenhum dado foi mencionado.

Essa versão também conta com acentos e volante revestido por couro sintético, central multimídia com tela sensível ao toque de 5 polegadas e câmera de ré. O preço da versão Volcano é de R$ 116,5 mil.

Por Wendel George Peripato

Fiat Toro

Fiat Toro

Fotos: Divulgação


No Brasil, alguns modelos tiveram redução e outros, alta nos preços.

Na última quinta-feira (dia 13) a Volkswagen do Brasil anunciou uma mudança na tabela de preços para o seu modelo de picape Amarok. A mudança na versão S cabine simples de entrada foi uma variação de R$ 105.990 anteriores para o novo preço de R$ 106.990, um aumento de R$ 1.000 no preço. No modelo S com cabine dupla, ao contrário, houve uma queda de R$ 2.000, variando do preço inicial de R$ 111.990 para R$ 113.990.

Outro modelo que sofreu redução de preços foi o SE cabine dupla, que agora está custando R$ 120.190. Antes o preço do modelo era de R$ R$ 123.190, uma redução também de R$ 2.000. Porém somente esse modelo teve redução nos preços. Todos os outros modelos sofreram elevação de preços. A Amarok Trendline cabine dupla, por exemplo, teve um salto de preço de R$ 132.040 para os atuais R$ 135.990. O mesmo modelo, quando equipado com câmbio automático passou a ter um custo de R$ 140.990, aumento considerável frente ao anterior de R$ 136.040.

As mudanças no preço também chegaram à versão especial da linha, denominada Dark Label. A versão que antes saía pelo preço de R$ 142.690, subiu para o preço atual de R$ 147.990. A opção topo de linha, a Highline com cabine dupla, passou do preço anterior de R$ 156.990, para os atuais R$ 158.990.

Os novos preços já estão disponíveis no site oficial da empresa. Porém, a montadora reafirma que os preços são sugestões e que podem sofrer alteração de acordo com a concessionária que o cliente escolher (são mais de 600 espalhadas por todo o país), independentemente de onde morem. A Volkswagen lembra ainda, que os consumidores têm a opção da escolha da localidade da compra, e que as concessionárias estão vedadas de recusá-las, independentemente da sua área geográfica de atuação.

Por Patrícia Generoso

Volkswagen Amarok 2015

Volkswagen Amarok 2015

Fotos: Divulgação





CONTINUE NAVEGANDO: