Reajustes nos preços do Ford New Fiesta

  

Mesmo com o mercado brasileiro automotivo em baixa, a Ford começou a vender o New Fiesta com um novo reajuste de preço. Os preços do modelo sofreram um reajuste entre R$ 100 e R$ 500, com a versão de entrada S 1.5 partindo dos R$ 42.990.

A configuração S 1.5, mais básica do Ford New Fiesta, e a SE 1.5 que anteriormente eram oferecidos por R$ 42.890 e R$ 46.890, sofreram um reajuste de R$ 100 cada, passando a ser vendidos por R$ 42.990 e R$ 46.990, respectivamente.

A versão SE 1.6 encareceu R$ 500, custando R$ 49.490, enquanto que a configuração SE 1.6 com câmbio PowerShift subiu R$ 400 e sai por R$ 53.890. Por fim, a versão topo de linha Titanium agora é vendida por R$ 55.590 na configuração com câmbio manual (aumento de R$ 500) e a com transmissão PowerShift agora é tabelada em R$ 59.990 (elevação de R$ 400).

Apesar do reajuste que o modelo sofreu, o New Fiesta não teve nenhuma alteração na lista de equipamentos de série.

A versão de entrada (S 1.5) tem como destaque os freios ABS com EBD, airbag frontal, ar condicionado, direção elétrica, espelhos retrovisores externos e vidros dianteiros com acionamento elétrico, trava elétrica das portas com controle remoto, alarme volumétrico, My Connection que abrange o sistema de som com entrada USB e conexão Bluetooth, computador de bordo e rodas de 15 polegadas com calotas.


A lista da versão topo de linha (Titanium) traz de destaque sete airbags (frontais, do tipo cortina e joelho para o motorista), sensor de estacionamento traseiro, sensor de chuva, sensor crepuscular, espelho retrovisor interno eletrocrômico, volante revestido em couro, bancos revestidos parcialmente em couro e rodas de liga leve de 16 polegadas.

Mecanicamente também não há nenhuma alteração e o New Fiesta pode ser equipado com motor 1.5 Sigma Flex que rende até 111 cv e torque de 14,9 kgfm com etanol, ou com o bloco 1.6 Sigma TiVCT Flex, capaz de entregar 130 cv e torque de 16 kgfm quando abastecido com etanol. O propulsor 1.5 sempre está associado a um câmbio manual de cinco marchas, enquanto que o motor 1.6 pode trazer o câmbio manual ou a transmissão sequencial PowerShift de dupla embreagem e seis velocidades.

Por Caio Polo

Ford New Fiesta

Foto: Divulgação

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *