Grupo Fiat registra lucro 12,3% superior em 2010

  

Considerado a principal referência em termos de vendas no país, o Grupo Fiat terminou 2010 com receita bruta de 56,3 bilhões de euros, superior em 12,3% sobre as cifras registradas em 2009.

O lucro da gestão ordinária, por outro lado, avançou de 1,1 bilhão de euros para 2,2 bilhões de euros entre um ano e outro. O lucro líquido chegou a 600 milhões de euros em 2010, número extraordinário em relação ao prejuízo de 848 milhões de 2009.

De acordo a Fiat, estes dados são referentes ao desempenho constatado antes da separação do grupo em duas empresas, uma voltada às atividades do setor de veículos automotores (Fiat S.p.A.) e a outra destinada a montadoras de veículos industriais (Fiat Industrial).


Em comunicado anunciado por Sergio Marchionne, CEO do grupo, existem planos descritos para 2011, entre eles receitas de aproximadamente 37 bilhões de euros apenas à Fiat e cerca de 22 bilhões de euros à Fiat Industrial.

Se depender dos mercados emergentes, assim como o Brasil, a Fiat pode continuar a prever bons números. Apesar de os principais efeitos da crise financeira global ainda aparecerem em países desenvolvidos, o setor de automóveis tem conseguido atingir objetivos interessantes, não a partir de uma, duas ou mais marcas, mas boa parte das distribuídas por todo o planeta.

Por Luiz Felipe T. Erdei

Fonte: Fiat (relase)

Compartilhar:

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *