Venda de carros é recorde histórico

  

Uma fonte não relacionada pelo portal de economia Terra revela que o segmento automobilístico do país conquistou alta recorde de vendas em março em relação aos meses anteriores, decorrente, obviamente, dos últimos dias de vigência do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI).

A reportagem relata que no mês passado 337,5 mil unidades entre automóveis e comerciais leves foram vendidas, 29,3% além do contabilizado em março de 2009 e 59,6% acima do reportado em fevereiro de 2010. Somente nos primeiros três meses deste ano a alta foi de 17% em comparação ao período igual do ano passado.

As propagandas veiculadas em jornais, revista, internet, em ruas ou na própria televisão surtiram efeito, justamente por terem como grande percussor as palavras proferidas pelo governo brasileiro. A média diária de vendas em março, para efeito exemplificativo, foi de quase 14,7 mil carros; somente no último dia do mês mais de 30,5 mil unidades foram comercializadas.


As principais montadoras estabelecidas no país se beneficiaram do poder redutivo do IPI. Fiat, Volkswagen, General Motors, Ford, entre outras apuraram dados significativos. Caso continuem a incentivar o cidadão, daqui em diante por meio de promoções, em breve a frota brasileira estará equipada com carros zerinho.

Clique aqui e confira percentuais de venda de cada montadora.

Por Luiz Felipe T. Erdei

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *